Porque casais discutem?

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Email -- Filament.io 0 Flares ×

Dizem que casamento é a união de duas pessoas em que uma está sempre certa e a outra é o homem. Assim vivem alguns casais. Quando os conflitos batem à porta de casa, alguns casais têm a tendência de fixar suas ações e falas na tentativa de provar que o outro está errado. É preciso compreender que saber quem está com a razão e quem está desfocado não resolve o problema, geralmente, acalora-o.

O alvo de cada casal deve ser fixado em solucionar o problema da melhor forma possível, respeitando os sentimentos mútuos. Há os que dizem (até com certa dose de conformismo) que são pessoas de “pavio curto”, outros ainda alegam “não possuírem pavio”. Estas pessoas por qualquer motivo explodem e toda explosão gera danos, destruição, sofrimento e, algumas vezes, até a morte.

A solução para tal situação é buscar todos os dias, de joelhos, o fruto do Espírito, que concede ao que O busca a longanimidade. Esta é uma grande necessidade dos casais. Imagine uma bomba com um pavio de 10 metros de comprimento. Quando os conflitos e diferenças acendem o pavio, ele é tão longo que antes que o fogo chegue a acionar a bomba já deu tempo de apagar o fogo. É isto que o Espírito faz por cada um de nós quando buscamos Nele o fruto da longanimidade.

Casamentos felizes e duradouros são construídos por cônjuges dispostos a renovar-se dia a dia e conservar-se somente para o outro, buscando em Deus auxílio para crescer.

Vocês concordam que discussões amargam relacionamentos? Pois é, elas têm o poder, como poucas coisas, de envenenar a vida de duas pessoas. Às vezes, acontecem por motivos banais. Abaixo estão listadas as 6 principais causas de discussão entre casais.

  •  Dinheiro;
  •  Sexo;
  •  Horários;
  •  Decisões a serem tomadas;
  •  Educação dos filhos;
  • Atividades domésticas;

A negociação de questões corriqueiras torna-se brigas, principalmente quando os cônjuges não estão se sentindo amados. “Dor emocional é conseqüência de não nos sentirmos amados, e quando uma pessoa sente dor emocional, é difícil ser amorosa”[ii]

Normalmente, as discussões se dão em consequência da má negociação de assuntos corriqueiros de uma família. Quando demonstramos amor a nosso cônjuge, aumentamos proporcionalmente a tendência de ele se esforçar para evitar discussões. Assim, quanto mais amados, menos armados.

Por que homens discutem?

Discussões e brigas podem ser a forma usada por algumas pessoas para externar suas frustrações em relação ao outro e revelar profundas carências emocionais. Explosão e descontrole, às vezes, são utilizados como forma de chamar a atenção, enviar mensagens e pedir socorro.  Exemplo disso é o homem que não se sente com suas necessidades primordiais atendidas por sua esposa, e demonstra uma tendência a se envolver em brigas com ela. Quando ele se sentir bem atendido possuirá uma predisposição muito maior para ouvir, falar respeitosamente, compreender, negociar, dar carinho e  afeto.[iii]

Assim, muitas brigas têm motivos totalmente diferentes daqueles aparentes geradores dos conflitos. Vejamos:[iv]

Motivo de discussão

Como se sente

O que deseja

“Pare de dizer como eu devo fazer as coisas”. Humilhado, incapaz. Admiração.
“Eu não gosto que ela reclame do quanto faz”. Acusado, não reconhecido, impotente. Apreciação.
“Eu não gosto quando me pede para fazer coisas/conversar”. Pressionado e controlado. Sentir-se aceito como é.
“Ela se sente magoada pelo que eu digo”. Rejeitado Sentir a confiança dela.

“Um homem pode lidar melhor com diferenças e discordâncias quando suas necessidades emocionais estão sendo satisfeitas. Quando ele é privado do Amor de que precisa, no entanto, ele se torna defensivo e seu lado obscuro começa a emergir”[v].

Por que mulheres discutem?

Ressentimentos, rancores, mágoas e lembranças negativas são venenos que matam aos poucos aqueles que os nutrem na mente. Quando esta carga venenosa é despejada no relacionamento conjugal ela consegue envenenar a convivência do casal de forma destruidora. Muitas vezes, como resultado destes sentimentos, surgem as discussões, desentendimentos e brigas entre casais. Não diferente dos homens, as mulheres também são especialistas em camuflar seus reais motivos pelos quais provocam discussões. Analisem:[vi]

Motivo de discussão

Como se sente

O que deseja

“Ele minimiza a importância dos meus sentimentos ou pedidos”. Repudiada e sem importância; julgada e ignorada. Acalentada e validada.
“Ele me culpa por estar aborrecida”. Obrigação de ser perfeita para ser amada, insegura de ser o que é. Segurança de que ainda é amada e que não é perfeita.
“Ele não responde minhas perguntas”. Como se não existisse, ignorada. Segurança de que está sendo ouvida.
“Ele se esquece de fazer o que eu peço ou digo”. Implorando por apoio, negligenciada, a última prioridade dele. Respeitada e lembrada.

“Homens e mulheres precisam entender e cooperar com suas sensibilidades particulares, e não se ressentirem delas.”[vii]Assim, transformarão discussões em conversas enriquecedoras.

Homens e mulheres sem discussões

Já que muitas das discussões, como vimos, se dão não necessariamente por que os cônjuges discordem do tema, mas por que um se sentiu invalidado em seus sentimentos ou por que o outro não se sentiu valorizado, é preciso saber como pode ser possível expressar-se sem discutir.

Quando o esposo comete um erro ou esquece algo, ele se sente muito sensível por sua falha, pior ainda se a esposa retirar sua aprovação. Em momentos como esses o que ele necessita é do amor e da aceitação dela, a despeito de suas falhas. A mulher acredita que seu comentário é apenas para demonstrar-lhe que está desapontada, mas para ele soa como desaprovação. Ela pode até escolher palavras gentis para lhe falar, mas seu tom de voz, gestos e olhares comunicam muito mais que as palavras.

Quando uma mulher é desapontada por seu esposo, ele rapidamente toma iniciativa de explicar-lhe o porquê ela não deveria estar aborrecida. Para o homem, suas razões serão a chave para ajudá-la e superar sua frustração. O que normalmente acontece é que a situação piora, pois, na mente feminina, ele está dizendo que ela não tem motivos que justifiquem seu aborrecimento.

Exercitem trocar palavras motivadoras: Vamos lá: ELE,ELA.

 



[i] Série baseada no livro Homens são de Marte, mulheres são de Vênus, de John Gray, Editora Rocco, 1997.

Wélida Dancini

10 thoughts on “Porque casais discutem?

  1. This is really attention-grabbing, You are a very skilled blogger. I’ve joined your feed and sit up for in search of more of your great post. Additionally, I have shared your website in my social networks

  2. I’m not sure the place you are getting your info, but good topic. I needs to spend a while learning more or understanding more. Thanks for wonderful information I was searching for this info for my mission.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Email -- Filament.io 0 Flares ×