QUARTO MONTESSORIANO – dicas legais

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Email -- Filament.io 0 Flares ×

Olá flor, tudo bem com você??

Muita gente tem se encantado (como eu) com os quartos e espaços baseados na metodologia MONTESSORIANA.

Separei algumas dicas bem legais para a gente se inspirar!

1. Um ambiente mais limpo, com espaço para a criança brincar livremente.

2. Ótima opção é colocar ao lado do colchão um tapete bem fofinho para a criança poder sair do colchão sem ficar o chão frio.

3. Colchão e alguns brinquedos. Qual criança não vai gostar de uma piscina de bolinhas no quarto?

4. Espelho Horizontal. Bebês adoram ver o rosto das pessoas, poder ele próprio se olhar no espelho, ajuda a criança a se reconhecer como indivíduo, vai ser divertido e vai reconhecer as próprias feições, expressões, brincar com as partes do corpo é divertido e ajuda no desenvolvimento do seu bebê.

5. Um quarto simples, sem ser abarrotado de brinquedos e que com certeza a criança aproveita muito melhor.

6. Para que não gosta da ideia do colchão no chão e seu bebê já consegue subir e descer de uma cama baixa, use uma cama baixa, a ideia é que a criança pode ter liberdade de subir e descer da cama, não é necessário que ela permaneça sempre no colchão no chão. O colchão facilita para os bebês, que é só sair engatinhando, mas para crianças um pouquinho maiores, você pode usar uma cama baixa.

7. Usar estante baixa para os brinquedos é para deixar tudo a mão para seu bebê escolher e pegar sozinho o brinquedo que deseja. Para isso deixe a estante organizada, sem muitos brinquedos, a dica é faça rodízio com os brinquedos.

8. Outra opção de cantinho da leitura, com uma estante bem baixa com os livros. Se a estante é muito pequeno e a criança já tem bastante livros, você pode fazer rodízio de livros também. Cada semana ou a cada 15 dias troque os livros.

9. Tudo na altura da criança e bem organizado, cada coisa tem seu lugar.

10. Uma barra fixada na parede, na altura do bebê é legal quando a criança começar a dar sinal dos primeiros passos. Ela vai auxiliar nesse processo com mais autonomia. Uma ideia é pendurar objetos que o bebê goste. Dessa forma ele será estimulada a alcançá-los. Mas não tem apressar o processo de andar, deixe acontecer no tempo dele.

Se você gostou destas dicas, compartilhe para mais pessoas poderem ser alcançadas.

Uma beijoka no seu coração.

Wélida Dancini

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Email -- Filament.io 0 Flares ×